Tyson pede desculpas por obscenidades durante luta

Da Redação
Em São Paulo

O norte-americano Mike Tyson, ex-campeão mundial dos pesos-pesados, pediu desculpas por escrito, nesta quinta-feira, pelos gestos e palavras obscenas que disse durante a briga com Lennox Lewis, na coletiva que apresentou a luta entre ambos.

O gigante disse ter sido provocado por uma pessoa do público, que lhe teria dito obscenidades. Tyson garante que só se defendeu.

Tyson disse que não é modelo de nada nem "o senhor politicamente correto". "Sou um boxeador e deixarei meu boxe falar por mim", escreveu.

Tyson disse que não tinha intenções de agredir Lewis e que só se aproximou para promover a luta em fotos. Mas um membro da escolta de Lewis se equivocou e o empurrou, iniciando o bafafá.

Inicialmente, a luta estava marcada para 6 de abril, mas, depois da confusão, ainda não se sabe se Tyson terá licença para entrar no ringue.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos