Ás australiano do tênis tem carteira de motorista apreendida

Da Redação
Em São Paulo

O tenista australiano Mark Philippoussis teve sua carteira de motorista grampeada por três meses por ter cometido excesso de infrações no trânsito.

Hoje, o australiano admitiu que estava dirigindo a 77 km/h numa avenida cujo limite era 60 km/h, quando estava indo surfar com um amigo numa praia perto de Melbourne.

"O carro é muito suave, então não dá para sentir muito bem a velocidade", disse o herói da conquista da Copa Davis-1999 sobre a França.

Dirigir 17 km/h acima do limite causa a perda de três pontos na licença no Estado de Victoria. Com 12 pontos, o motorista tem a carteira suspensa por três meses ou fica um ano sob condicional.

Atualmente na 21ª posição da Corrida dos Campeões da ATP (Associação de Tenistas Profissionais), Philippoussis é fanático por carros esportivos. Tem mais de 20, incluindo várias Ferraris.

No final de 2000, o tenista foi proibido por seu técnico, Peter McNamara, de comprar mais carros até conquistar seu primeiro Grand Slam. Tentando driblar a ordem, passou a comprar motos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos