Droga parecida com a insulina controla peso de ratos

Da Redação
Em São Paulo

Um composto experimental que imita a ação do hormônio insulina impede que os camundongos ganhem calorias a mais, de acordo com uma nova pesquisa

À medida que cresce o número de norte-americanos que apresentam excesso de peso e obesidade, os pesquisadores buscam terapias medicamentosas para usar na batalha contra os quilos extras.

A insulina se tornou o foco dessa pesquisa porque os animais comem menos e emagrecem depois que recebem injeção diretamente no cérebro do hormônio regulador da taxa de açúcar. Mas, após o uso sistemático, a insulina pode causar ganho de peso.

No trabalho atual, a equipe de Bei B. Zhang, dos Laboratórios de Pesquisa Merck, em Rahway (Nova Jersey), pode ter encontrado uma forma de usar o hormônio para combater a obesidade.

Os pesquisadores descobriram que compostos que simulam os efeitos da insulina podem impedir os ratos de se tornarem obesos. Os resultados do estudo foram publicados na edição de fevereiro da revista Nature Medicine.

Quando injetadas no cérebro dos camundongos, essas substâncias levaram os animais a ingerir menos alimento e a emagrecer. Evidentemente, um medicamento contra a obesidade que deve ser aplicado no cérebro não é muito prático. Por esse motivo, os cientistas testaram uma forma desses compostos que pode ser usada por via oral. A insulina comum não pode ser administrada dessa maneira.

Os pesquisadores deram o composto a camundongos que consumiam uma dieta rica em gordura. Sem nenhuma surpresa, os animais que não receberam o medicamento engordaram rapidamente enquanto estiveram comendo esse tipo de comida.

Por outro lado, os roedores que ingeriram a substância misturada à comida ganharam peso muito mais lentamente, numa velocidade semelhante à dos animais que tinham alimentação normal.

O tratamento evitou não apenas a obesidade, mas também alguns efeitos danosos que esse problema traz para a saúde -como alto nível de açúcar no sangue e resistência à insulina.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos