Japonesa esconde cadáver da mãe por um ano

Da Redação
Em São Paulo

A polícia do Japão prendeu uma mulher que, em vez de enterrar a mãe morta, manteve o cadáver numa cama em seu apartamento por quase um ano, informou nesta sexta-feira o jornal japonês Mainichi Daily News.

Yoshiko Nakahara, 52, não falou para ninguém sobre a morte de sua mãe, que tinha 92 anos, em fevereiro do ano passado. Ela só guardou o corpo sobre uma cama num pequeno quarto do apartamento em que as duas mulheres moravam, segundo o jornal japonês.

"Eu não suportaria ser afastada de minha mãe", disse Nakahara à polícia, de acordo com o "Mainichi Daily News".

Nakahara foi presa por emprego ilegal do corpo, segundo o site do jornal.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos