Japão quer bêbados fora dos estádios na Copa

Da Redação
Em São Paulo

O comitê organizador da Copa do Mundo no Japão (Jawoc) quer barrar os torcedores bêbados dos estádios. Mas os japoneses não querem mudar o horário do início dos jogos para impedir os choques entre torcidas rivais.

A polícia de Sapporo não fez nenhum pedido para que o horário do jogo do Grupo F entre a Inglaterra e a Argentina, no dia 7 de junho, seja alterado, apesar das preocupações com a possibilidade de os torcedores beberem durante todo o dia antes de chegarem ao estádio Sapporo Dome. A partida está marcada para começar às 18h30, horário local.

Entre 5 mil e 10 mil torcedores ingleses são esperados em Sapporo para a partida. Entretanto, o chefe de segurança do Jawoc, Takahisa Ishida, disse que os organizadores estão pensando em conter os torcedores suspeitos de estarem bebuns.

"Gostaríamos de barrar os torcedores bêbados na entrada dos jogos. Vamos ver se os torcedores não estão levando álcool para dentro do estádio e vamos fazer testes para saber se eles podem andar em linha reta", disse Ishida a repórteres na terça-feira.

O Jawoc ainda não chegou a uma decisão final sobre a venda de álcool dentro dos 10 estádios que serão usados para a Copa do Mundo. Os organizadores japoneses estão tendo problemas com a Fifa, que quer a venda de cerveja para não irritar os patrocinadores oficiais, entre eles alguns fabricantes de cerveja.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos