Mulheres ricas têm mais problemas com a silhueta

Da Redação
Em São Paulo

As mulheres que vivem em comunidades mais ricas têm propensão maior a se preocupar com a própria silhueta do que aquelas que moram em áreas de menor renda, de acordo com uma pesquisa feira no Canadá.

Eles descobriram que, quanto mais abastada a comunidade, maior a probabilidade de uma mulher se sentir desconfortável com a forma física e com as medidas do corpo, mesmo que ela tenha o peso adequado para a altura.

"As mulheres que moram em vizinhanças mais endinheiradas apresentam tendência maior a se sentirem insatisfeitas com a própria imagem corporal do que aquelas que habitam regiões pobres, independentemente do nível de riqueza de cada uma", disse Lindsay McLaren, da Universidade de Montreal.

A psicóloga, especializada em saúde pública, afirmou que ter imagem corporal ruim é um importante problema de saúde pública, pois isso tem relação com emoções negativas que podem levar à depressão, a uma baixa qualidade de vida e a disfunções sexuais.

"O problema é grave e merece mais atenção", disse a pesquisadora, cujo trabalho foi publicado no Journal of Epidemiology and Community Health.

As mulheres mais ricas têm mais acesso a academias de ginástica e a centros de saúde. Elas também são mais propensas a ler revistas femininas que promovem corpos magros e podem contribuir para que elas se sintam insatisfeitas com a imagem corporal.

Essas mulheres também têm mais chances fazer compras em lojas finas, voltadas para atender a mulheres com corpos esguios.

As descobertas do estudo se basearam em entrevistas feitas por telefone com 895 mulheres de 52 bairros das províncias canadenses de Alberta, Ontário e Quebec.

A pesquisa mostrou que 70% das mulheres que tinham peso médio e viviam em áreas ricas foram mais propensas a se sentirem insatisfeitas com imagem que tinham do próprio corpo. O mesmo foi constatado em 58% das habitantes de comunidades de renda média.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos