Sexo e violência na ópera geram polêmica

Da Redação
Em São Paulo

Violência sexual entre homens, saudações nazistas e pessoas sentadas em vasos sanitários: Giuseppe Verdi não reconheceria "Um Baile de Máscaras" na montagem realizada pela English National Opera (ENO), que estréia quinta-feira em Londres.

A platéia verá na cena de abertura 14 homens sentados em lavatórios de plástico transparente com suas calças nos tornozelos. Em seguida acontecem cenas de travestismo, a ação de uma gangue de violadores homossexuais e o espancamento de uma mulher por seu marido.

A montagem polêmica é resultado do trabalho do diretor espanhol Calixto Bieito, 38, conhecido como o Quentin Tarantino da ópera pelo modo pouco ortodoxo com que apresenta as peças tradicionais.

Sua estréia no ano passado na produção de "Don Giovanni", de Mozart, com o ENO, chegou às manchetes descrita como uma "festa de felação alimentada por coca" devido às cenas de violência, sexo e consumo de drogas.

Para "Um Baile de Máscaras", cujos ingressos da noite de quinta-feira estão esgotados, o ENO colocou uma advertência em seu site alertando sobre as cenas violentas e adultas.

A visão de Bieito provou ser demais para Julian Gavin, o tenor escalado originalmente para o papel principal. Gavin se retirou da peça meses atrás, afirmando que, como católico devoto, não poderia levar seus filhos para ver tal montagem.

Segundo meios de comunicação, membros do coro reclamaram por terem de fazer uma saudação nazista a certa altura da peça.

"Um Baile de Máscaras" conta a história de um rei sueco do século 18, Gustavus, que se apaixona pela mulher de seu melhor amigo e é assassinato.

O ENO afirmou que os elementos violentos da montagem de Bieito iam ao encontro das diretrizes originais de Verdi, que enfatizava a brutalidade da política na corte.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos