Cirurgiões operam mulher e acham cocaína em seu intestino

Da Redação
Em São Paulo

Cirurgiões de um hospital dos arredores de Paris descobriram no corpo de uma paciente vinte bolinhas de cocaína enquanto a estavam operando de uma oclusão intestinal, informaram esta sexta-feira fontes policiais.

A mulher, cidadã da Costa do Marfim, ingeriu 250 gramas de cocaína, disse a mesma fonte. Ela não corre risco.

Procedente de Nápoles (sul da Itália) e indo para Abidjã (Costa do Marfim), ela ficou doente quando fazia escala no aeroporto parisiense de Roissy-Charles de Gaulle.

Em um primeiro momento foi trasladada ao serviço de urgências médicas do aeroporto, mas depois se optou por levá-la ao Hospital Robert Ballanger da vizinha Aulnay-sous-Bois devido à oclusão intestinal.

A polícia francesa interrogou a paciente, que disse ignorar que o que engoliu era cocaína, e achar que se tratava de bolinhas de ouro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos