Ursa polar é apreendida em circo em Porto Rico

Da Redação
Em São Paulo

Autoridades norte-americanas responsáveis pela vida selvagem apreenderam uma ursa chamada Alasca, na quarta-feira, em um circo mexicano acusado de manter o animal do Ártico em um local apertado e superaquecido na ilha tropical de Porto Rico.

Autoridades do Serviço de Pesca e Vida Selvagem e oficiais da polícia norte-americana apreenderam a ursa do circo Hermanos Suarez na cidade de Juana Diaz, no sul de Porto Rico, depois de uma ordem do magistrado Gustavo Gelpi.

A ordem foi baseada em alegações de que o urso foi ilegalmente importado para Porto Rico com uma permissão que deve ter sido emitida para um urso diferente, disseram autoridades do circo e do zoológico.

Levou cerca de duas horas para que os oficiais dopassem e removessem o animal de 360 quilos para um caminhão refrigerado.

Alasca será mandada para o zoológico de Baltimore, em Maryland, onde ficará em quarentena por 30 dias e então será exposta em uma jaula especialmente construída, imitando seu habitat polar, disseram autoridades do zoológico.

O circo Hermanos Suarez com base no México, que está viajando por Porto Rico há uma ano e meio, estão sendo acusados pelo tratamento de sete ursos polares que se apresentavam durante à noite.

"Este é o começo do resgate dos ursos polares", disse Carla Cappalli, presidente da Federação da Proteção de Animais de Porto Rico.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos