Larry Flint quer invadir os EUA com clubes de strip

Da Redação
Em São Paulo

Larry Flynt, o "rei da pornografia", quer levar garotas Hustler, nuas, é claro, para todos os Estados Unidos.

Flynt pretende inaugurar uma cadeia de clubes de striptease em cidades dos EUA, todas intituladas Larry Flynt's Hustler Club. Com isso, ele espera ampliar seu império pornográfico, que já inclui revistas, vídeos e Internet, e fortalecer as receitas pouco animadoras de um conjunto de publicações liderado pela revista Hustler.

As pessoas podem amá-lo ou odiá-lo, mas ninguém pode negar que Flynt, 59, sabe vender sexo. Hugh Hefner pode ter suas coelhinhas Playboy, mas Flynt aposta que suas garotas, conhecidas como Hustler Honeys, serão igualmente desejáveis - e conseguirão prender a atenção dos clientes por mais tempo.

Os clubes marcam uma tentativa de fazer bom uso comercial do nome de Larry Flynt, que ficou mais famoso do que já era com o premiado filme "O Povo contra Larry Flynt", que narra as brigas no tribunal travadas pelo bombástico publisher de revistas de pornografia.

Num mundo repleto de mulheres, sexo e o sonho americano, Larry Flynt acredita que seu nome é um produto que vale tanto quanto qualquer uma das modelos peitudas que já se despiram em suas revistas.

Flynt, que se locomove em cadeira de rodas desde que ficou parcialmente paralítico depois de atingido por uma bala numa tentativa de assassinato, 20 anos atrás, disse que a idéia de licenciar seu nome e o da Hustler tomou forma alguns anos atrás, diante da popularidade do site da Hustler.

De lá para cá, ele já abriu um punhado de lojas Hustler para vender lingerie e produtos sexuais, o primeiro Hustler Club, em Nova Orleans, e um lucrativo Cassino Hustler, num subúrbio de Las Vegas.

Mas ele não pretende parar por aí. No que depender dele, o céu é o limite para o merchandising de produtos com a temática Hustler: cartões postais, colônias, chaveiros, e muitos outros.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos