Presidente do Napoli é preso por vender falsificações

Da Redação
Em São Paulo

O presidente e acionista majoritário do Napoli, Giorgio Corbelli, foi preso nesta quarta-feira em Roma sob a acusação de vender obras de arte falsificadas através de seus canais de televisão "Telemarket" e "Telemarket 2".

Segundo investigadores, milhares de objetos não-originais foram comprados por telespectadores. Pelo menos seis outras pessoas também foram detidas junto com Corbelli.

Com o episódio, o clima no clube fica ainda mais conturbado. Além de não estar mais na elite do futebol italiano, a equipe faz fraca campanha na segunda divisão _ocupa o sexto lugar.

O Napoli foi duas vezes campeão do Italiano, nas temporadas 1986/87 e 89/90. Neste último título, o brasileiro Careca formou uma dupla que tornou-se famosa com o argentino Diego Maradona.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos