Ecologistas denunciam Almodóvar por morte de touros

Da Redação
Em São Paulo

Um grupo de associações ecologistas e protetoras dos animais apresentou uma denúncia contra o cineasta Pedro Almodóvar e a produtora El Deseo por "matar vários touros nas filmagens" do mais recente trabalho do diretor espanhol (à direita na foto, com a atriz espanhola Leonor Watling e o ator argentino Dario Grandinetti, que atuam no filme), disseram os ativistas em um comunicado nesta quinta-feira.




A El Deseo insistiu em diversas ocasiões que não houve sacrifício de um touro sequer para o "Hable con Ella", filme que estréia na sexta-feira nos cinemas espanhóis e que ainda não possui título em português.

Os grupos Ecologistas em Ação, Associação Nacional para a Proteção e Bem-estar Animal, Sociedade Protetora dos Animais e Plantas e Alternativa para a Liberação Animal fizeram uma denúncia administrativa na direção-geral de Agricultura da Comunidade de Madri contra Almodóvar e a El Deseo.

As organizações alegam que durante as filmagens, "quatro animais foram cruelmente maltratados até a morte e retirados por uma escavadeira depois de serem torturados na arena de tourada de Aranjuez".

A matança teria acontecido em junho de 2001, segundo as organizações ecologistas, que pediram à Academia de Artes Cinematográficas e ao Ministério de Cultura "um cinema sem crueldade com os animais."

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos