Filho de Ronald Biggs quer revisão da pena do pai


Da Redação
Em São Paulo

Michael Biggs, filho de Ronald Biggs, pedirá na quinta-feira ao Tribunal Superior da Grã-Bretanha a revisão da pena de 30 anos de prisão de seu pai.

Biggs (foto), 72, entregou-se em maio de 2001, depois de 36 anos do assalto mais famoso do mundo, que rendeu o equivalente a US$ 3,71 milhões. Ele foi capturado, mas conseguiu fugir e passou a viver no Brasil. Seu filho, Mike, teve seu tempo de fama como cantor infantil.

Ronald Biggs agora está internado no hospital da prisão Belmarsh, após ter sofrido o quarto derrame cerebral.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos