Preso flanelinha que matou motorista por receber R$ 0,25 de gorjeta

Da Redação
Em São Paulo

R$ 0,25. Guarde esse número e preste atenção nesta história.

O guardador de carros Lustiano Alves Sousa, 22 anos, foi preso na madrugada desta terça-feira em Teresina. Ele estava sendo procurado pela polícia havia mais de dois anos, acusado de ter matado a facadas o estudante Sandro Alves Pestana. O crime ocorreu em outubro de 2000, na capital piauiense, por causa de R$ 0,25.

Sim, meros R$ 0,25, com os quais não dá nem para comprar um churrasquinho grego no centro de São Paulo, daqueles que vem com um suquinho grátis para ajudar a engolir.

Mas, voltando ao crime: Lustiano e Sandro haviam discutido porque o estudante havia dado apenas R$ 0,25 de gorjeta para o flanelinha, que guardava carros nas proximidades de um bar na zona nobre de Teresina.

Segundo a polícia, o flanelinha ficou indignado com o que entendeu como "pouca gorjeta" e assassinou o universitário a facadas.

Por causa de R$ 0,25.

Fonte: Agência JB

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos