Filme pornô é exibido por engano em TV do Senado norte-americano

Da Redação
Em São Paulo

Digamos que você goste de assistir à TV Senado. Pegar um ou outro discurso de nossos representantes, quase sempre extremamente sérios - você só corre o risco de pegar Eduardo Suplicy cantado Bob Dylan em protesto contra a política externa norte-americana, mas nada além disso.

Agora, imagine o susto dos que estavam assistindo a uma rede interna do Senado norte-americano no último dia 6 e se depararam, de repente, com um casal em situação comprometedora. OK, sem eufemismos: era um filmão pornográfico mesmo.

Acontece que um funcionário do estúdio de televisão do Senado levou consigo um trabalho extra de dublagem de um filme pornô e, em um ato de um autêntico mané, acabou exibindo sem querer o filme em uma estação interna do Senado.

O funcionário em questão foi colocado de licença administrativa por causa do incidente. Para a sua sorte, pouca gente chegou a ver o filme - a casa estava em recesso.

A pergunta que fica no ar é: como assim, dublar um filme pornô?

Fonte: Reuters

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos