Miss Brasil, além de bater um bolão, entende de futebol

Da Redação Em São Paulo

"Vou entrevistar a Miss Brasil. Você tem alguma sugestão de pergunta?", pedia o editor do UOL Tablóide a seus colegas jornalistas. "Não, mas posso ir junto?", responderam quase todos. (Alguns, mais exaltados, pediam o número do telefone da bela Gislaine Ferreira. Esqueçam, rapazes. Ela não é para o bico de vocês.)

AFP
Gislaine Ferreira é a nora que toda mamãe pediu a Deus
A missão de entrevistar Gislaine não é para qualquer um. É preciso ter bom humor, malícia e uma certa cara-de-pau. Como o editor do UOL Tablóide é um homem sério, responsável e não tem nada disso, chamou um colega mais audaz para ajudá-lo.

Há um mês, Gislaine representou o Brasil no concurso Miss Universo. Em uma prova irrefutável de que os jurados não entendiam lá muito de beleza, Gislaine acabou em sexto lugar, e não com a faixa de miss Universo.

Há um sério problema em entrevistar Gislaine: a simpatia dela. Ela sorri, fala, sorri, te envolve, sorri, conta um causo, sorri e de repente a entrevista acabou e nós só fizemos pouquíssimas perguntas que estavam previstas. Mais um pouquinho e era ela quem nos entrevistava.

UOL Tablóide - Você deve receber muitas cantadas...

Gislaine
- Mas sabe que desde que eu virei miss Brasil eu não recebi nenhuma cantada de baixo nível?

UOL Tablóide - Mas essas cantadas que não deram certo não nos interessam! Queremos saber quais funcionaram!

Gislaine
- Ahhhh... Nenhuma funcionou! Eu tenho namorado!

UOL Tablóide - Que pena... Nossa próxima pergunta é se você namoraria um de nós dois...

Gislaine - (risos)
Mas eu posso ser uma grande amiga! Vocês dois são encantadores!

UOL Tablóide - (tentando conter os ânimos) Seu namorado trabalha com o quê?

Gislaine
- Ele é estudante de administração...

UOL Tablóide - Eu não sei não, Gislaine... Eu ouvi falar muito mal dele!

Gislaine
- (risos) O legal é que não tem competição entre a gente. Normalmente, quando alguém de um casal começa a se destacar demais, o outro fica com inveja, os dois se estranham. Mas ele não: ele me respeita. Quando estou feliz, ele está também.

UOL Tablóide - Eu ouvi você comentando que uma das obrigações da miss é representar seu país no exterior. O que você acha de trocar de lugar com o Ronaldinho Gaúcho?

Gislaine
- (risos) Seria ótimo! Aliás, ele podia me passar o nome da fórmula que ele usa no cabelo dele...

UOL Tablóide - Nós assistimos ao concurso de Miss Universo... Você não ficou com medo de tropeçar ou algo sim?

Gislaine
- Com certeza! Tínhamos de seguir todas as coreografias - e eram várias coreografias diferentes. Também tínhamos de usar aquelas coisas normais de miss: salto 15, vestido de gala.

AFP
Além de bater um bolão, ela ainda entende de futebol!
UOL Tablóide - Você usava salto 15? Pô, você já é alta!

Gislaine
- É... Eu tenho 1m73!

UOL Tablóide - 1m73? Eu tinha lido que você tinha 1m83! Ia até te convidar para trocar a lâmpada lá de casa...

Gislaine
- (risos) Ah, tudo bem... Mas a gente vai ter que preparar uma escada, senão eu não alcanço! Então, além de tudo o que temos que usar e fazer, não podemos errar... Eles não gostam que a gente erre de jeito nenhum! É ao vivo, é muita gente investindo... Muita ansiedade!

UOL Tablóide - E lá (no concurso) rolou algum barraco?

Gislaine
- Ah, barraco, barraco não... Mas mulher é terrível! A pessoa fica falando mal de você na sua frente, em outra língua, achando que você não está entendendo. Teve uma, que eu não vou dizer quem é, que perdia um pouco a paciência e ficava falando "não agüento mais essa burrita!". Como eu entendo espanhol e inglês, eu entendia o que todas falavam. As únicas que falavam português éramos eu e a miss Angola. Então, quando eu e ela falávamos em português, elas ficavam todas agitadas! (risos)

UOL Tablóide - Gislaine... vocês mulheres é que são complicadas ou nós homens é que somos muito burros?

Gislaine
- (pausa introspectiva) Nós somos complicadas! É difícil agradar uma mulher... Vocês não conseguem ler os nossos pensamentos e nós somos muito exigentes!

UOL Tablóide - E pra que time você torce?

Gislaine
- Eu não sou fanática, não tenho time... Mas durante o um ano em que fui jornalista esportiva eu acompanhava o Cruzeiro, então tenho uma certa simpatia. Eu entendia de futebol como qualquer brasileiro, até hoje sei o que é líbero, entendo de esquema tático...

Comentário final: ela, ainda por cima, entende de futebol!

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos