Chile discute direito dos trabalhadores à "siesta"

Da Redação
Em São Paulo

Antônio Gaudério/Folha Imagem
Zzzzzzzzzzzzzzz... Zzzzzzzzzzzzzzz...
Os trabalhadores chilenos logo poderão ser perdoados por tirar uma soneca depois do almoço caso uma moção debatida pelo Congresso seja aprovada. Um deputado chileno defende que todo trabalhador deve ter o direito de tirar uma siesta de 20 minutos no meio do dia porque estudos mostram que isso poderia aumentar a produtividade e diminuir o risco de acidentes.


Fonte: BBC Brasil

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos