Suicida fracassado se recusa a pagar custos de seu salvamento e é processado

Da Redação

A Estrela de David Vermelha (a Cruz Vermelha israelense) está processando um suicida fracassado que se recusa a pagar os custos do seu salvamento. "É que me salvaram sem meu consentimento", alegou o homem.

A informação foi divulgada nesta quinta-feira pelo jornal "Yediot Aharanot". Segundo a pubicação, no dia do socorro, a ambulância da Estrela Vermelha foi chamada por um amigo do frustrado suicida. "Sou um homem amargurado e não tenho dinheiro", explicou o quase suicida ao juiz Menajem Klein.

A organização médica enviou a conta do socorro, de 353 shekels (cerca de US$ 80), alguns meses depois do salvamento. No entanto, o juiz condenou o homem a pagar quase 1.000 shekels (aproximadamente US$ 250), quantia que inclui os juros e os custos do julgamento.

Fonte: EFE

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos