Bombeiro alemão pega prisão perpétua por provocar incêndios

Editor Interino do UOL Tablóide
Em São Paulo

Tá certo que quem brinca com fogo, pode se queimar. Mas um bombeiro (!?) alemão exagerou na dose e vai acabar a vida inteira trancafiado.

O homem de 32 anos de Juelich, uma cidade no oeste de Alemanha, foi condenado por seis assassinatos e por causar dois sérios incêndios. "O tribunal sentenciou o réu à prisão perpétua", disse um porta-voz do tribunal.

Seis pessoas, incluindo três crianças, morreram depois do homem atear fogo a um bloco de apartamentos em Juelich, em novembro de 2003. Em um ataque semelhante em agosto de 2003, seis pessoas ficaram gravemente feridas e inalaram fumaça.

O ex-bombeiro disse que foi levado a provocar os incêndios por estar frustrado com sua vida. Mas o psicólogo do tribunal disse que o homem tinha consciência de suas ações e deveria ser punido.

Se você não tem brigada anti-incêndio e porta corta-fogo em sua casa ou trabalho, salve-se no blog ou no fotoblog do UOL Tablóide.

Fonte: Reuters

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos