Juiz absolve casal surpreendido transando em banheiro de bar

Da Redação

Sexo é sempre polêmico. Principalmente quando envolve elementos como um banheiro de bar, um casal de turistas e um trinco quebrado em circunstâncias misteriosas.

Um tribunal italiano decidiu nesta terça-feira que fazer sexo no banheiro de um bar não viola as leis de decência... desde que a porta esteja fechada.

Um casal suíço estava sendo acusado de cometer atentado violento ao pudor, por ter sido flagrado pelo dono de um bar em Como (norte da Itália) enquanto copulava.

Promotores pediram seis meses de prisão para ele e cinco meses para ela, mas o juiz Luciano Storaci rejeitou o caso, dizendo que a decência pública não fora ofendida, uma vez que a porta estava fechada.

Mesmo assim, ele impôs uma multa de 200 euros (246 dólares) ao suíço, que não teve a identidade revelada, por ele ter quebrado o trinco do banheiro depois de ser apanhado de calças arriadas.

"Se o barman tivesse me dado tempo para me vestir nada disso teria acontecido", disse a suíça à agência de notícias Ansa.

Por via das dúvidas, o Editor do UOL Tablóide consulta sempre um advogado.

Pergunta: Em que lugar deveria ser "proibido" fazer sexo?

Você conhece o blog e o fotoblog do editor do UOL Tablóide?

Fonte: Reuters

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos