O Pensador, de Rodin, não será exibido em Israel porque está nu

Da Redação

Antes de começar, o Editor do UOL Tablóide gostaria de destaque que gosta de todas as religiões. Isso dito, vamos à notícia.

A prefeitura de Jerusalém rejeitou a oferta para exibir uma réplica da célebre estátua "O Pensador", de Auguste Rodin. O motivo? A estátua está nua.

"Não podemos permitir uma escultura assim em uma cidade como Jerusalém", explicou o vice-prefeito Eli Simhayof, do Partido fundamentalista Shas. "Se pelo menos tivesse colocado uma roupa de banho, pode ser que tivesse passado, mas está completamente nu", disse.

A réplica da escultura de Rodin, considerada por muitos especialistas a mais importante de suas obras, havia sido oferecida ao município por um museu de Paris.

O líder da oposição no Conselho Municipal, Nir Barkat, classificou a decisão de "discriminatória" contra os cidadãos não pertencentes à comunidade ortodoxa e de "um golpe contra o pluralismo em Jerusalém".

Em 1995, também por pressão dos representantes dos partidos ortodoxos no Conselho Municipal e com o mesmo pretexto, uma réplica da famosa estátua de David, de Michelangelo, foi recusada.

Fonte: EFE

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos