China proíbe que cantores do país que façam playback

Da Redação

Atenção, Britney Spears! Pense duas vezes antes de fazer um show na China. O governo daquele país emitiu uma nova lei que proíbe que os cantores façam playback, sob ameaça de "punições graves", informou a agência estatal chinesa Xinhua.

A norma está dentro do chamado "Regulamentos sobre Atuações Artísticas com Caráter Comercial", que acrescenta que "qualquer companhia ou indivíduo que engane a audiência" utilizando música gravada "será denunciado publicamente".

A lei fixa dois anos de suspensão da atividade artística para os cantores que incorram duas vezes no delito em menos de dois anos. O mesmo tempo de proibição da atividade será aplicada para a empresa promotora do show ou atividade pública.

O regulamento é adotado, informaram seus autores, em um momento em que estão se proliferando esse tipo de falsas atuações ao vivo, "com o objetivo de ganhar dinheiro, o que está causando ao público a sensação de que estão sendo enganados".

O Editor do UOL Tablóide costuma discordar da trucolência chinesa, mas acha mesmo playback em show uma grande chatice.

Fonte: EFE

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos