Museu de Viena oferece entrada grátis a peladões

Da Redação

O museu Leopold, principal de Viena, na Áustria, levou ao pé da letra a expressão "nu artístico". Até o dia 22 de agosto, a instituição permite entrada grátis para pelados e pessoas vestidas apenas com roupas íntimas ou de banho. Com os termômetros marcando cerca de 30 graus na capital austríaca, o público não se fez de rogado e compareceu em peso, nu com a mão no bolso -- foram mais de 200 espectadores pelados apenas nesta sexta-feira (29).

A exposição, intitulada "A verdade nua: Klimt, Schiele, Kojoschka e outros escândalos", mostra retratos de nus feitos por artistas austríacos como Gustav Klimt, Egon Schiele e Oskar Kokoschka.

Segundo os organizadores do museu, a exposição já atraiu cerca de 70 mil visitantes. Do jeito que vieram ao mundo, homens e mulheres andaram pelos corredores dos museus bem à vontade, sem demonstrar nenhuma inibição com a presença de fotógrafos nem com os holofotes das equipes de TV.

O Editor do UOL Tablóide entende que para apreciar a arte é preciso se despir de todos os preconceitos. E, no caso de uma exposição de arte erótica, nada mais natural do que se despir das roupas também.

Fonte: Folha Online

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos