Chineses que não visitarem pais no Ano Novo podem ser punidos

Da Redação

Mãe é mãe. Pai é pai. Editor do UOL Tablóide é aquilo que você já sabe.

Até aí nenhuma novidade.

Novidade mesmo aconteceu em Xangai, na China. Uma associação de moradores decidiu punir os membros da comunidade que não visitarem seus pais nas próximas festas de fim de ano, que serão comemoradas no país a partir de 29 de janeiro.

O Comitê de Moradores da Rua Nankin Leste decidiu que, assim que um caso de filho desnaturado for detectado, emitirá até duas advertências verbais aos moradores que não visitarem seus pais. Caso cometam o mesmo "erro" pela terceira vez seus nomes serão publicados no boletim do distrito. O objetivo é promover um ritual de humilhação diante de toda a comunidade.

(Nota cultural do Editor do UOL Tablóide: na China, o conceito de "honra" ("mian zi"), referente à imagem que alguém projeta nos outros, é de uma importância absoluta e constante em todas as relações sociais, e perder essa condição é uma das coisas mais graves que podem ocorrer a um chinês.)

Felizmente o Editor do UOL Tablóide não mora na China. Apesar de visitar sempre a sua querida mãezinha, digamos que a minha "mian zi" não está lá essas coisas.

Fonte: EFE

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos