Chefs franceses negam-se a preparar banquete de US$ 300 mil em Bangcoc

Dois chefs franceses anunciaram nesta terça-feira que não irão preparar, por uma "questão moral", um jantar que irá custar US$ 300 mil (!!!) em Bangcoc para um grupo de ricos convidados, que serão levados para descobrir previamente a pobreza no noroeste da Tailândia.

A rede de hotéis Lebua havia anunciado que pagaria o luxuoso banquete para uma centena de seus clientes mais prestigiados, e levaria metade deles, a bordo de um jatinho privado, para a província de Surin, para sensibilizá-los sobre a pobreza da região.

Contudo, os dois chefs, Jean Michel Lorain e Michel Trama, afirmaram que, apesar de terem aceitado previamente coordenar a cozinha para a ocasião, decidiram não mais ir, porque acreditavam que o objetivo do jantar era arrecadar fundos.

"Por ser uma situação contrária a nossa consciência, decidimos anular a participação", explicaram os dois renomados cozinheiros em um comunicado.

O editor do UOL Tablóide, em solidariedade aos dois chefs, já avisou que não irá mais participar do jantar. Já a tia Izildinha cogitou contratar os franceses para o próximo jantar beneficente da paróquia do bairro. O padre local, no entanto, vetou, pois achou que o cardápio composto por lagostas e trufas negras não seria muito atrativo.

Fonte: AFP

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos