Mulher morre em apartamento e polícia só encontra corpo 35 anos depois

Do Uol Tablóide

O corpo de uma mulher que morreu em 1973 em seu apartamento, na Croácia, só foi encontrado pela polícia local nesta sexta-feira. Hedviga Golik morreu, solitária, de infarto.

Em 35 anos ninguém percebeu que a croata havia morrido. Durante todo esse tempo, seu corpo ficou no apartamento. A polícia afimou que não recebeu nenhum chamado pelo desaparecimento de Hedviga.

Os vizinhos lembram que a croata costumava dizer que iria viver fora do país e por isso achavam que ela nem morava mais lá.

Outro mistério é saber quem continuava pagando as contas da croata. Sabe-se que na década de 70 todos os apartamentos pertenciam ao governo.

Hedviga Golik morreu em Zagreb, na Iugoslávia e será enterrada na mesma cidade, que agora pertence a Croácia.

Com informações da AP

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos