Erro em compra de bilhete deixa turista a 17 mil quilômetros de seu destino

Da Redação

O espírito aventureiro do Editor do UOL Tablóide foi desafiado ao saber o que aconteceu com a argentina Monique Aquero. A mulher, que é escultora, pretendia ir a Sydney, na Austrália, visitar um sobrinho. Comprou a passagem, pegou o avião e chegou em... Sydney, no Canadá. Ca-na-dá. Sim, por uma confusão com as cidades homônimas, Monique foi parar a 17 mil quilômetros de distância do destino pretendido.

Já durante o vôo, a artista suspeitou de que algo estivesse errado, mas somente ao pisar no terminal aéreo é que a mulher percebeu que tinha ido parar em outro continente. Como férias foram feitas para serem aproveitadas ao máximo, Monique não se abateu e deve ter pensado naquele velho ditado: "já que está na chuva é pra se molhar" e resolveu ficar por lá mesmo. Trocou os cangurus por... passar frio no Canadá, mas não se arrependeu: "estou muito feliz, já fiz dois ou três amigos no Canadá", afirmou a artista, contente com o tratamento recebido na cidade hospitaleira.

A bem da verdade, o Editor do UOL Tablóide preferiria se perder pelas bandas de cá mesmo: só com o nome Boa Esperança existem dez povoados pelo Brasil - além de nacionalista o Editor do UOL Tablóide também é um otimista.

Fonte: EFE

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos