Após ficar 17 horas preso em banheiro público no Natal, homem será compensado

Do UOL Tabloide* Em São Paulo

Os vereadores do distrito de Southwark, em Londres (Reino Unido), concordaram em pagar uma compensação a um homem que ficou 17 horas trancado - congelando, coitado! - em um banheiro público no dia de Natal.

Depois de dar uma corridinha (trata-se de um homem preocupado com sua saúde!), o homem usou os lavatórios do banheiro público do Dulwich Park às 16h30 do dia 24 de dezembro. Ele foi trancado após uma faxineira se "certificar" de que não havia ninguém dentro do local.

Só com sua jaqueta de corrida - bem fina, por sinal - para mantê-lo aquecido, o corredor foi forçado a embrulhar-se em saco do lixo e papel higiênico e passou a noite debaixo do secador de mão para tentar se esquentar.

Ele não tinha um celular para pedir ajuda e ficou preso até as 9h30 do dia 25 de dezembro, perdendo a ceia e a chegada do bom velhinho.

Passado o susto, o corredor fez uma reclamação formal na Câmara da cidade, e os vereadores se desculparam pelo ocorrido. "Nós vamos oferecer a ele uma compensação", disse um porta-voz da Câmara.

Moral da história? O Editor do UOL Tabloide vê duas possíveis, escolha a sua: 1 - celular é feito para levar consigo, não para deixar em casa; 2 - relaxe pelo menos nos feriados importantes...

*Com informações do Daily Mail

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos