PUBLICIDADE
Topo

Tabloide

Flor-cadáver, a maior do mundo, floresce (e começa a feder) em Bruxelas

Mulher corajosa observa (e cheira) a maior flor do mundo, conhecida como a "flor-cadáver", em Bruxelas - Yves Logghe/AP
Mulher corajosa observa (e cheira) a maior flor do mundo, conhecida como a "flor-cadáver", em Bruxelas Imagem: Yves Logghe/AP

Do UOL, em São Paulo

08/07/2013 15h12

Da próxima vez que você, cara amiga, for chamada de linda como uma flor, desconfie. Se a planta em questão for a Arum Titan (Amorphophallus tintanum), podem estar te chamando de fedorenta.

A “flor-cadáver” (nome sugestivo) fede muito. O cheiro parece de carne podre. Um exemplar da planta começou a florescer no domingo (7), no  Jardim Botânico Nacional da Bélgica, um acontecimento raro que ocorre de forma inesperada pela terceira vez em cinco anos em Bruxelas.

Conhecida também como “a maior flor do mundo”, a Arun Titan  floresce apenas três ou quatro vezes ao longo de seus 40 anos de vida. O fedor terrível é necessário para atrair insetos polinizadores, como besouros, garantindo a sua reprodução.

O exemplar belga floresceu  em 2008, ano em que chegou de Bonn, na Alemanha, em 2011 e novamente este verão. "É excepcional, nunca aconteceu em nenhum outro jardim botânico", indicou o porta-voz do jardim, Franck Hidvegi.

A atração é certa, de modo que o jardim estendeu seus horários de funcionamento.

Suas folhas medem 244 centímetros e podem continuar a crescer até cinco metros.

"A floração é muito curta, no máximo, três dias. Depois ela murchará e levará vários anos para vê-la florescer novamente", disse Hidvegi.

A Titan Arum vem das florestas tropicais da Sumatra, na Indonésia, onde está em perigo de extinção por causa do desmatamento. (Da AFP)

Tabloide