Topo

Análise aponta herpes em "50 Tons de Cinza"

Do UOL, em São Paulo

15/11/2013 15h05

Dois professores universitários da Bélgica decidiram aplicar seus conhecimentos em toxicologia nos dez livros mais retirados em uma biblioteca de Antuérpia. Cada livro passou por testes bacteriológico e toxicológico. O resultado mostrou que os livros da biblioteca possuíam mais germes do que se poderia imaginar. O livro "50 Tons de Cinza", da escritora inglesa E. L. James, por exemplo, apresentou traços do vírus da herpes.

Segundo os estudiosos, a concentração de vírus era muito reduzida e não ameaça a saúde dos leitores.

Nos testes também foram encontrados traços de cocaína nos dez livros avaliados. (Com Time)