Achou silicone e levou à polícia como "prova de crime"... Era só água-viva

Do UOL, em São Paulo

  • Miguel Medina/AFP Photo

    O que vale é a intenção?

    O que vale é a intenção?

Um australiano levou uma água-viva até uma delegacia de polícia, no Estado de Queensland, na Austrália, pensando que se tratava de um implante mamário.

O sujeito, que não teve o nome divulgado, se assustou ao ver o suposto implante jogado num canto e achou que poderia ser de uma mulher vítima de algum crime.

Os policiais analisaram o misterioso objeto e não precisaram de um Sherlock Holmes para descobrir que não havia nada de "criminoso".

Na verdade era apenas uma água-viva de um tipo bem comum na região, famosa pelas praias.

No entanto, a água-viva estava sem tentáculos, que, provavelmente, foram comidos por peixes ou retirados pela ação das ondas do mar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos