Alunos de escola indiana são obrigados a aprender a escrever com as duas mãos

Do UOL, em São Paulo

  • SWNS/Reprodução

    Alunos da Veena Vandini School, na Índia, praticam a escrita ambidestra

    Alunos da Veena Vandini School, na Índia, praticam a escrita ambidestra

Uma escola indiana ensina todos os seus alunos a escrever com as duas mãos. Todos os 300 estudantes da Veena Vandini School são ambidestros na escrita e muitos conseguem usar ambas as mãos ao mesmo tempo e escrevendo textos em diferentes idiomas. 

Cada aula de 45 minutos dedica 15 para a prática da escrita manual. O fundador da escola e ex-soldado Vp Sharma afirmou que se inspirou no primeiro presidente da Índia, Rajendra Prasad, que era ambidestro.

"Quando abri a escola em minha vila natal resolvi tentar ensinar os estudantes a escrever com as duas mãos. Os alunos mais velhos escrevem com velocidade e precisão", afirmou ao jornal inglês "Mirror".

A Veena Vandini School foi fundada em 1999 e está localizada em uma vila rural no distrito de Singrauli, no Estado de Madhya Pradesh.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos