Professora é suspensa após dar "estrela" sem roupas de baixo na frente de alunos

Colaboração para o UOL

  • Reprodução de TV e Divulgação

Uma professora da cidade de Pawhuska, no estado de Oklahoma (Estados Unidos), foi julgada culpada e não poderá lecionar pelos próximos dois anos. O motivo? Sem as roupas apropriadas, ela resolveu realizar um pequeno exercício de ginástica durante a apresentação do coral da escola e acabou 'mostrando demais'.

Segundo informações da Fox News, Lacey Sponsler era professora substituta da escola. Ao participar do evento, usava saia, sem calcinha, e acabou deixando tudo à mostra durante a realização de uma "estrela" - aquele movimento em pessoa leva as mãos ao chão e lança as pernas para o alto.

Lacey chegou a ser detida devido ao ocorrido.

Inicialmente, a acusação feita foi de exposição indecente, pois ela teria se exposto de forma deliberada, o que resultaria em uma pena maior e prisão.

Porém, ao analisar o caso, o júri optou por uma decisão mais branda, tirando qualquer conotação sexual no ato, e confirmando apenas a suspensão e uma multa de US$ 1 mil.

Em entrevista, o advogado de Lacey, Nathan Milner, disse que o caso ganhou proporções maiores do que deveria ter tido, e que fica feliz de tudo ter terminado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos