Homem invade rádio da polícia para tocar rap e transmitir grunhidos de porcos

Do UOL, em São Paulo

  • Vinicíus Castro/UOL

    Na Nova Zelândia, com um rádio assim é possível ouvir a polícia

    Na Nova Zelândia, com um rádio assim é possível ouvir a polícia

Um homem misterioso conseguiu invadir a frequência do rádio da polícia de North Island, na Nova Zelândia, para transmitir grunhidos de porcos, barulhos de abusos obscenos e rap.

Já faz meses que o invasor entra na frequência da polícia para fazer suas performances. Na segunda-feira (28), o sujeito cantou "O Sítio do Seu Lobato" (Old McDonald had a Farm) mudando alguns versos para ofender policiais.

No mesmo dia, a polícia confirmou que está ciente do incidente, mas não soube informar se o homem já foi identificado e nem que tipo de equipamento o sujeito usa para fazer suas transmissões.

A polícia neozelandesa ainda usa um sistema analógico de rádio que pode ser ouvido por qualquer pessoa. Apenas algumas partes do país possui o sistema digital, criptografado para quem não é da corporação.

Segundo a polícia, interferir no sistema de rádio da corporação é um crime pois traz risco à segurança pública. O sujeito, se encontrado, poderá passar até um ano na cadeia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos