Topo

Tecnologia


Aparelho promete ajudar deficientes visuais a lerem livros convencionais

Reprodução
Dispositivo FingerReader, desenvolvido no MIT, promete ajudar pessoas com deficiência a lerem livros convencionais Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

2014-04-18T13:13:54

18/04/2014 13h13

Um aparelho desenvolvido pelo MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts), nos Estados Unidos, promete ajudar pessoas com deficiência visual a lerem livros convencionais. Chamado FingerReader, o dispositivo é encaixado no dedo e “lê em voz alta” palavra por palavra de um texto.

Para funcionar, a pessoa com deficiência visual deve vestir o dispositivo e arrastar o dedo por cada linha do texto. Ele possui uma espécie de câmera que reconhece o que está escrito e, em seguida, esse conteúdo é ditado ao usuário. De acordo com os pesquisadores, o aparelho é inteligente o suficiente para indicar o fim e o início de uma linha com leves vibrações e ruídos.

O FingerReader não consegue ler textos com corpo menor que o tamanho 12. Portanto, o dispositivo não pode ler o conteúdo de bulas de medicamentos ou informações nutricionais de determinados alimentos.

O dispositivo faz parte das pesquisas do grupo de interface Fluid do MIT e ainda está em fase de desenvolvimento. Não há previsão para lançamento em escala comercial. 

Mais Tecnologia