Topo

Tecnologia


Serviços de mensagens ganham novos usuários com bloqueio do Whatsapp

Mariana Tokarnia

Da Agência Brasil

2016-05-02T22:10:25

02/05/2016 22h10

O bloqueio do aplicativo de mensagens Whatsapp levou a uma sobrecarga de outros aplicativos semelhantes. O serviço está bloqueado desde as 14h desta segunda (2) e, desde então, milhares de usuários buscaram novas formas de comunicação.

O aplicativo Telegram diz ter inscrito 1 milhão de novos usuários. Pelo Twitter, o aplicativo diz que as redes brasileiras estão sobrecarregadas e que os usuários devem esperar pela mensagem de cadastro.

"Suas redes móveis não podem processar tantas confirmações enviadas. Mais de 1 milhão de usuários aderiram ao aplicativo. Outros estão esperando", diz.

Já o aplicativo Hotspot Shield VPN, criado pela empresa AnchorFree, que possibilita o acesso a sites bloqueados, divulgou aumento de 185 mil instalações até as 18h30 desta segunda-feira, de acordo com informações da AnchorFree. A empresa divulgou também que estima um total de 1,2 milhão de instalações no Brasil nas próximas 72 horas.

Outros aplicativos são procurados pelos usuários do Whatsapp: o Messenger, ligado ao Facebook; o Skype, o Viber, o Voxer, o Imo, entre outros. Eles permitem a troca de mensagens instantâneas e até ligações de voz e vídeo.

Bloqueio

A Justiça de Sergipe determinou o bloqueio do aplicativo de mensagens WhatsApp por 72 horas, a partir desta segunda-feira. A decisão é do juiz Marcel Montalvão, da comarca de Lagarto (SE).

Segundo o Tribunal de Justiça de Sergipe, a ordem de bloquear o serviço se deu pelo mesmo motivo que levou ao pedido de prisão do executivo da empresa: o não fornecimento à Justiça das mensagens relacionadas a uma investigação sobre tráfico de drogas.

Esta não é a primeira vez que o aplicativo enfrenta problemas com a Justiça brasileira. Em dezembro, o serviço ficou 12 horas fora do ar por determinação da juíza Sandra Regina Nostre Marques, de São Bernardo do Campo (SP).

Mais Tecnologia