Topo

Tecnologia

Ex-inimigo mortal da Microsoft, Linux pode ser baixado no Windows

Do UOL, em São Paulo

11/07/2017 12h58

Até certo tempo, a Microsoft odiava o sistema Linux e todas as suas distribuições. Porém, nos últimos anos, esta postura tem mudado. Tanto é que agora é possível baixar uma das versões do sistema operacional do pinguim na Windows Store, a loja de aplicativos do Windows.

Usuários do Windows vão poder baixar agora uma versão do Ubuntu, uma das licenças mais conhecidas do Linux. No entanto, a ideia, segundo a descrição do app na Windows Store, é “permitir o uso do Ubuntu Terminal e rodar comandos”.

Portanto, a ideia aqui é que usuários avançados possam executar linhas de código para administração de redes, por exemplo. Pode não ter muita utilidade para quem não conhece os comandos do sistema operacional.

Para poder funcionar, é necessário ir ao Painel de Controle e selecionar “desligar os recursos do Windows”. Lá será possível habilitar o recurso “Windows Subsystem for Linux”, que permitirá que o sistema Linux rode na próxima reinicialização.

Por ora, apenas a licença Ubuntu está disponível para download. Com o tempo, outras distribuições devem ser disponibilizadas na loja de aplicativos da companhia.

Reprodução
Licença Ubuntu pode ser baixada diretamente na Windows Store Imagem: Reprodução

Entendendo a treta Microsoft x Linux

No fim da década de 90, o sistema Linux era visto como um possível competidor ao monopólio da Microsoft, com o sistema Windows, por oferecer um sistema operacional de código aberto e que podia ser instalado gratuitamente ou a custo baixo.

Várias desenvolvedores de software fizeram interfaces gráficas amigáveis para o sistema. Porém, não foi o suficiente para desbancar a plataforma da Microsoft nos computadores de mesa.

Ainda que tivessem distribuições diversas e com interface bem próximas às do Windows, muitas exigiam conhecimento de linhas de código até para operações básicas, como instalar um programa ou um item do computador, como uma nova placa de rede.

Em 2015, a companhia norte-americana publicou em blog oficial que a Microsoft ama o Linux. O que levou a empresa a abraçar o sistema do pinguim foi justamente a forte presença da plataforma em servidores.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Newsletters

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero receber

Mais Tecnologia