Topo

Tecnologia


"Já tinha no Android": empresa lista inovações de rivais antes do iPhone X

Getty Images/iStockphoto
Competição e provocação entre fabricantes de celulares é cada vez mais acirrada Imagem: Getty Images/iStockphoto

Do UOL, em São Paulo

12/09/2017 04h00Atualizada em 12/09/2017 10h11

Horas antes do lançamento dos novos iPhones, a Qualcomm, empresa que constrói processadores da linha Snapdragon presente em vários Androids, resolveu provocar a Apple. Isso porque ela construiu uma tabela com uma série de inovações que apareceram primeiro no sistema operacional do Google em relação ao iOS.

A lista de tecnologias é uma clara provocação à maçã, visto que as duas empresas se enfrentam nos tribunais em processos judiciais. A Apple pede US$ 1 bilhão (R$ 3,1 bilhão) em ação movida em três países por supostamente a Qualcomm pedir royalties mais caros e forçar a maçã a pagar uma porcentagem dos lucros do iPhone para licenciar patentes da Qualcomm.

Por sua vez, a Qualcomm entrou com um processo em reação em que exige o banimento das vendas do iPhone nos Estados Unidos. A rivalidade foi esquentada com a publicação da tabela pela Qualcomm, que diz que suas tecnologias permitiram vários “primeiro no Android” nos últimos anos.

Não é coincidência que diversas dessas tecnologias listadas são especuladas no aguardado iPhone X, que será lançado pela Apple nesta terça (12). Confira a lista da Qualcomm:

  • Carregamento rápido: HTC One M8, LG V30, Xiaomi MI5
  • Câmera dupla: HTC One M7, HTC One M8
  • Autenticação por íris/Reconhecimento facial: Samsung Galaxy S8
  • Sensor de digitais embaixo do display: Design de referência da Qualcomm
  • Realidade aumentada: Lenovo Phab Pro 2
  • Design com tela infinita: Xiaomi Mi Mix
  • Touch screen à prova d’água: Sony Xperia Z4
  • Tela OLED : LG Flex 2
  • Tela 4K: Sony Xperia XZ Premium
  • Gigabit LTE: Samsung Galaxy S8
  • Ultra HD Premium Playback: Samsung Galaxy S8
  • NFC: Moto X, LG V10
  • Bluetooth 5: Xiaomi Mi6, HTC U11, LG V30
  • 802.11ad (wi-fi): Sirin Solarin
  • Alto-falantes Virtual 5.1 Surround: HTC ONE M9
  • Áudio sem fio em alta-definição sobre Bluetooth via aptx HD: Samsung Galaxy S8, One Plus 5, LG V30
  • Mobile HDR Premium: Sony Xperia XZ Premium, Samsung Galaxy S8
  • Netflix HDR: LG G6
  • Amazon HDR: Sony Xperia XZ Premium, Samsung Galaxy S8, LG V30

O problema é que a lista gigante feita pela Qualcomm contém algumas falhas. E a internet não tratou de demorar para corrigir os lapsos da empresa que constrói processadores.

O site 9to5Google lembra, por exemplo, que o LG V30, que ainda sequer chegou às lojas, não “abriu o caminho” para o carregamento rápido – a tecnologia realmente apareceu primeiro no Android, mas em outros celulares antecessores.

Há até erros clamorosos: a Qualcomm cita o LG Flex 2 como o pioneiro do display OLED, mas a Samsung, dona da tecnologia OLED, usa o AMOLED em seus dispositivos desde o primeiro Galaxy S, lançado em 2010. O Bluetooth 5 também apareceu primeiro nos celulares Galaxy S8 e Xperia XZ Premium, não no HTC U11 e LG V30.

O reconhecimento facial, atribuído ao Galaxy S8, também já existe há alguns anos, pois surgiu no Android 4.0 (Ice Cream Sandwich) --ainda que essa tecnologia seja bastante ineficaz, pois pode ser "enganada" usando uma foto do dono do celular. Espera-se que o reconhecimento facial 3D que a Apple deverá anunciar nesta terça esteja mais aprimorado.

Mesmo com os erros, a Qualcomm ressaltou um bom ponto que promete acirrar a briga entre fanáticos por sistemas operacionais: o Android, nos últimos anos, realmente é pioneiro em inúmeras tecnologias que depois são levadas ao iPhone.

Mas, ao mesmo tempo, parece ser um pouco exigente querer comparar os avanços de uma empresa (Apple) contra todo o restante do mercado de smartphones, que funcionam com o Android. E a própria Apple, apesar de ter perdido muito do caráter inovador nos últimos anos ao copiar tecnologias de concorrentes, pode continuar se orgulhando dos seus produtos. 

Mais Tecnologia