Topo

Tecnologia


Queremos no Brasil: LG apresenta celular que promete repelir mosquitos

Divulgação
Celular conta com capa traseira com tecnologia de repelir mosquitos Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

2017-09-28T10:01:18

28/09/2017 10h01

O iPhone que me perdoe, mas você já imaginou seu celular ser capaz de repelir mosquitos? Pois a LG tem um modelo que promete essa funcionalidade: trata-se do LG K7i, que infelizmente está à venda momentaneamente apenas na Índia.

A defesa do smartphone, que se apresenta como o “primeiro telefone que deixa os mosquitos longe”, contra os insetos envolve uma tecnologia de ondas sonoras que emite uma frequência acima de 30 kHz capaz de repelir os mosquitos. De acordo com a LG, a frequência ouvida pela audição humana varia entre 20 Hz e 20.000 Hz (20 kHz).

O dispositivo que protege os humanos dos mosquitos é posicionado na traseira do smartphone. Ele vem como uma opção para você adicionar na traseira, como se fosse uma capa. A fabricante afirma que a tecnologia ultrassônica é segura e não há radiação prejudicial à saúde humana.

Divulgação
LG K7i diz ser "o primeiro celular capaz de deixar os mosquitos longe" Imagem: Divulgação

A LG destaca ainda que a tecnologia que repele mosquitos é “inaudível, invisível e inodora”. A companhia afirma que em testes clínicos conseguiu repelir 72,1% dos mosquitos. Será?

Celular básico

O destaque mesmo do aparelho é sua capacidade de repelir mosquitos. De resto, ele é um modelo bem básico, como toda a linha K. Com tela de 5 polegadas, o celular apelidado de “Mosquito Away” conta com um processador de apenas 1,1 GHz, apenas 1 GB de RAM e capacidade de armazenamento de 16 GB.

As câmeras são de 8 MP na traseira e 5 MP na parte frontal do modelo. A bateria removível do celular tem capacidade de 2.500 mAh.

Especificações: LG K7i

Tela: 5 polegadas FWVGA (854 x 480 pixels)
Processador: quad-core de 1,1 GHz
Memória: 1 GB (RAM) e 16 GB (armazenamento)
Câmeras: 8 MP (traseira) e 5 MP (frontal)
Bateria: 2.500 mAh
Dimensões: 145,7 x 74,1 x 8,1 mm

Apresentação de robôs dançarinos bate recorde mundial

BBC Brasil

Mais Tecnologia