Topo

Tecnologia


Sonho? Tecnologia pode tornar tela do celular "inquebrável" e mais barata

Getty Images/iStockphoto
Quem aí não sofre e fica em pânico quando o celular cai no chão? Imagem: Getty Images/iStockphoto

Colaboração para o UOL

03/11/2017 04h00

Quem já quebrou a tela do smartphone - ou pelo menos já presenciou a queda de um aparelho com a face para o chão - sabe a tristeza que é ver o dispositivo nesse estado e ainda ter que desembolsar uma grana alta para consertar. Pesquisadores da Universidade de Sussex, no Reino Unido, no entanto, conseguiram desenvolver um novo tipo de display mais barato e menos frágil.

A tecnologia por trás do feito envolve o uso de novos materiais para fazer a tela. Em vez de ITO (óxido de índio-estanho), presente em displays de aparelhos disponíveis no mercado, os pesquisadores combinaram nanopartículas de prata com grafeno - um cristal de duas dimensões produzido a partir do grafite e abundante na natureza.

Veja também: 

O problema das telas atuais é que elas são frágeis e dependentes do índio, um material raro, caro e difícil de extrair da natureza. A prata também não é dos itens mais baratos e fáceis de achar. Porém, usando o grafeno como liga, só é necessário pequenas partículas do material para compor a tela concebida pelos pesquisadores da universidade britânica.

“O que reparamos é que ao dobrar repetidamente as películas feitas com grafeno e nanopartículas de prata, as propriedades elétricas delas não mudam. Isto pode facilitar o desenvolvimento de dispositivos completamente flexíveis”, disse Mattheu Large, pesquisador responsável na Universidade de Sussex.

A combinação dos dois materiais para compor a tela também aumenta a condução elétrica, o que na prática pode tornar as telas mais responsivas e com menos consumo de energia.

Atualmente, a fragilidade das telas de celulares é uma das maiores reclamações dos consumidores. Modelos tops de linha caríssimos podem quebrar a tela facilmente e o usuário terá que gastar mais de R$ 1.000 para consertar o equipamento

A Motorola tem um celular mais resistente, o Z2 Force. Ele conta com a tecnologia Shuttershield, que diminui bastante os danos graves na tela em quedas do aparelho. 

Mais Tecnologia