Topo

Tecnologia

Com telona e câmera inteligente, LG G7 chama iPhone X e S9 para a briga

Márcio Padrão

Do UOL*, em Nova York

02/05/2018 10h53Atualizada em 07/05/2018 10h45

Você já deve ter reparado que os smartphones top de linha andam focados em duas coisas: a busca pela câmera perfeita (e seus recursos inteligentes) e as telas sem bordas (com ou sem entalhes no topo). A LG já havia sinalizado que iria pegar carona nesse bonde com o V30S ThinQ, lançado em fevereiro, e agora confirma isso com seu grande lançamento de 2018: o G7, que também ganhou o complemento ThinQ no nome.

O modelo, lançado nesta quarta-feira (2) em Nova York (EUA), integra mais inteligência artificial ao celular e melhora a experiência de tela. A marca sul-coreana ainda incrementou bem outros pontos, como som, câmera, resistência e desempenho. A ausência do G7 na MWC (Mobile World Congress, a maior feira do setor) pode ter sido para deixar o produto mais refinado, afinal.

Como quase todo celular recente, o G7 --e seu irmão com mais memória, o G7+ ThinQ-- está crescendo. O aparelho tem uma tela de 6,1 polegadas bem iluminada com 1.000 nits, o mesmo nível de brilho de TVs de ponta.

Veja também

O visor traz ainda resolução Quad HD+ e, como esperado, bordas menores (a de baixo está 50% menor que a do G6) e um entalhe no alto para encaixar o alto falante e sensores de câmera, aquele velho conhecido que fez fama no iPhone X e chegou ao Zenfone 5 da Asus e em outras marcas chinesas.

Para quem não gosta do entalhe, a LG traz um recurso para ocupar o topo da tela com uma borda digital preta (ou outras cores). Na apresentação, a marca deixou claro que preferiu não entra no debate em torno disso e jogou a bola para a consumidor. 

Em volta da tela, o corpo está cada vez mais resistente e elegante, com vidro Gorilla Glass 5 na frente e atrás e certificação IP68, de resistência à poeira e água. A LG afirma ter feito 14 testes projetados pelos militares dos EUA para saber se ele aguenta bem ambientes hostis.

Quer dizer, ficou bem diferente do G6, para melhor. O corpo ficou mais elegante, um híbrido de iPhone X com Galaxy S9, e a tela é visivelmente mais iluminada. 

A inteligência artificial é o grande chamariz da câmera. Assim como no V30S ThinQ, o G7 oferece 19 modos de disparo que lêem e agem de acordo com o objeto à frente da câmera. Sim, ela faz esse trabalho de reconhecimento sozinha.

Além disso, a câmera é dupla, sendo que uma faz fotos grande angular de até 107° e a outra tem abertura f/1.6 para imagens com pouca luz, mas a inteligência também age aqui para ajustar brilho, claridade, resolução e cores.

Há ainda alguns recursos inéditos na LG que já tinham ficado famosos nos iPhones recentes, como o modo retrato, que foca rostos e desfoca fundo; um Live Photo para momentos antes e depois do clique; e uns stickers de rosto à la Snapchat e Instagram Stories.

Ainda não deu para sentir, usando brevemente o aparelho, se os recursos de inteligência artificial merecem muitos pontos. Em fotos "comuns" com a lente dupla, tanto na normal quanto na grande angular, a qualidade é ótima, com boa captação de luz e cliques rápidos.

O recurso Super Bright Camera, que consegue receber muito mais luz em ambientes bem escuros, tem potencial, mas a foto de teste ficou meio azulada --a ver se isso será uma constante.

Sobre a inteligência artificial, notei que, assim como no V30S ThinQ, o recurso de reconhecimento de objetos é ágil na maioria das tentativas, mas às vezes empaca por alguns segundos dependendo da luz, enquadramento e do objeto --por exemplo, pessoas e comidas foram rapidamente reconhecidas, mas pôr-do-sol e praia já demoraram mais. 

Caso você não se adapte bem ao recurso, saiba que a câmera manual do G7 é bem completa. Ajusta ISO, exposição, balanço de branco, foco e velocidade, dando muitas possibilidades. 

O casamento da LG com o Google Assistente continua bem, obrigado. O V30S trazia comandos de voz exclusivos no programa, e agora o G7 tem um botão físico dedicado a ele, assim como a Samsung fez com o Bixby.

Divulgação
No primeiro aparelho (esq), dá para ver o recorte no topo da tela, como o do iPhone. Ao lado, aparece o entalhe reto, com efeito que lembra o Galaxy Imagem: Divulgação

Outro software da grife Google, o Lens pode usar a câmera para identificar e fornecer mais informações sobre pontos de referência e outros objetos, além de acrescentar links às fotos, adicionar um cartão de visita ao app de contatos, adicionar eventos ao calendário ou procurar um item em um menu de restaurante.

Veja também

O reconhecimento de voz Super Far Field do G7 e o microfone altamente sensível conseguem, segundo a marca, identificar comandos para o Google Assistente em até cinco metros de distância sob ruído de um aspirador de pó. 

Outras firulas de áudio do G7 incluem um alto-falante chamado Boombox Speaker, que melhora o grave; o sistema DTS:X, para fornecer som 3D virtual (algo difícil de funcionar em celulares por eles serem pequenos) e a qualidade Hi-Fi Quad DAC, que melhora a experiência se você estiver com fones de ouvido de alta impedância.

No mais, o pacote desempenho está dentro do esperado para um top de linha em 2018: processador Snapdragon 845 (vai até a 2,8 GHz de velocidade, bem alto para um celular), 4 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento. Na versão G7+, as memórias crescem para 6 GB e 128 GB, respectivamente.

Sobre a bateria, a sensação que fica é que 3.000 mAh é pouco para uma câmera desse porte, ainda que o processador Snapdragon 845 dê conta do gerenciamento de energia.

Ainda não sabemos preços e disponibilidade dos dois novos G7, mas a LG costuma trazer a linha ao Brasil com relativa rapidez, então nas próximas semanas teremos novidades.

Com essas especificações, ele vem para encarar sua eterna rival, a Samsung (e o Galaxy S9). Também está bem disposto a chamar o iPhone X para a briga.

É difícil dizer se a LG vai conseguir finalmente ser páreo para os campeões de venda, mas nunca esteve tão perto disso.

Ficha técnica: LG G7 ThinQ e G7+ ThinQ

Tela: 6,1 polegadas resolução Quad HD+ (3.120 x 1.440 pixels)
Sistema operacional: Android 8.0
Processador: Snapdragon 845 2,8 GHz octa-core
Memória: 64 GB de armazenamento e 4 GB de RAM (G7 ThinQ) e 128 GB de armazenamento e 6 GB de RAM (G7+ ThinQ)
Câmeras: dupla 16 MP grande angular + 16 MP padrão (principal) e 8 MP grande angular (frontal)
Dimensões e peso: 153,2 x 71,9 x 7,9 mm e 162 gramas
Bateria: 3.000 mAh
Preço: Não divulgado

É ótimo, mas... Galaxy S9+ parece mais do mesmo

UOL Notícias

Será que o iPhone X vale mesmo o quanto ele custa?

UOL Notícias

*O jornalista viajou a convite da LG

Mais Tecnologia