Topo

Você está preparado? Botão 'voltar' do Android pode morrer

Reprodução
Novo controle de gestos do Android 9 Pie Imagem: Reprodução

Helton Simões Gomes

Do UOL, em São Paulo

2019-02-19T11:12:03

19/02/2019 11h12

Você se acostumou a usar celulares Android com ele, mas, em breve, pode ser obrigado a aprender a se virar de outra forma. O botão "voltar" pode morrer na próxima versão do sistema operacional do Google para smartphones.

O Google ainda está trabalhando em uma versão do Android Q a ser liberado para testes, mas a empresa XDA Developers obteve uma amostra das novidades que estão sendo feitas no software. Uma dessas modificações é o desaparecimento do botão "voltar". No lugar dele, estão sendo avaliadas duas opções, que parecem muito com o que já é feito no iOS, da Apple.

Esses desenvolvedores criam aplicativos para explorar ao máximo as possibilidades do Android.

A primeira das alternativas é dar mais funções ao botãozinho em forma de pílula que passou a centralizar muitos dos gestos no Android 9 Pie. Com ele, passou a ser possível acionar a lista de apps, ao deslizar a tela para cima, e voltar para a tela inicial, ao tocá-lo.

Ainda assim, quando você queria retornar a uma página anterior, seja em um mesmo app ou para ir do app ligado atualmente ao que você estava usando antes, o botão "voltar" estava lá. Segundo a XDA Developers, o Android 10 permitirá que o usuário volte à tela anterior apenas deslizando a pílula para a esquerda.

A outra opção para pular de aplicativo em aplicativo sem ter de recorrer ao botão "voltar" é a adoção de uma característica que os iPhones e iPads já possuem. Para navegar pelos serviços abertos no Android Q, bastará deslizar a pílula para a direita.

Android, 10 anos: como o maior sistema operacional do mundo virou ferramenta de poder

Leia mais

A partir daí, a tela do aplicativo exibido será substituída aos poucos pela de outro serviço recentemente aberto. No Android 9 Pie, era possível fazer esse tipo de navegação, passando pelos apps como se fosse um carrossel, mas apenas no dock de serviços abertos. O conteúdo dos apps, no entanto, era exibido apenas em parte da tela e não em tela cheia, como deve ocorrer no Android Q.

Como essa forma de controlar os gestos no Android não fazem parte de uma versão já liberada pelo Google, é possível que ela nem chegue a ganhar vida, diz Mishaal Rahman, editor do XDA Developers que descobriu a novidade.

É possível que o Google retire essas possíveis mudanças nos controles de gestos em qualquer momento do desenvolvimento

Tradicionalmente, o Google mostra as novidades de maior destaque do Android no Google I/O, a conferência da empresa para desenvolvedores. Até o evento, que costuma ser realizado em maio, no entanto, são liberadas pelo menos duas versões de teste do Android.

A primeira delas deve chegar nas próximas semanas e pode comprovar o fim do botão "voltar". "Nós ficaríamos surpresos se o Google não fizesse grandes mudanças nos gestos de navegação", diz Rahman.

Confira os recursos mais incríveis anunciados pelo Google

UOL Notícias