Topo

Tecnologia


Tencent perde US$51 bilhões em valor de mercado em dois dias

2018-03-23T15:24:34

23/03/2018 15h24

Por Sijia Jiang e Donny Kwok

(Reuters) - As ações da Tencent Holdings caíram mais de 4 por cento nesta sexta-feira, perdendo cerca de 23 bilhões de dólares em valor de mercado, depois que a maior acionista da empresa chinesa de internet, a Naspers, reduziu sua participação pela primeira vez em 17 anos.

As ações da empresa listadas em Hong Kong abriram com queda de quase 8 por cento, a 405 dólares de Hong Kong, seu menor início desde 9 de fevereiro, e fecharam em 420 dólares de Hong Kong. Os dados da bolsa mostraram que esta foi a ação mais negociada nesta sexta-feira, com volume financeiro de 126 bilhões de dólares de Hong Kong (16,05 bilhões de dólares).

A Tencent já perdeu mais de 51 bilhões de dólares em valor de mercado em dois dias, tendo caído 5 por cento na quinta-feira - a maior queda em seis semanas. O declínio ocorreu depois que a Tencent anunciou na quarta-feira um lucro melhor do que o esperado, mas com a receita abaixo das estimativas de analistas e disse que investimentos agressivos podem pressionar as margens de lucro.

Com um valor de mercado atual de 508 bilhões de dólares, a Tencent ainda é a empresa listada mais valiosa da Ásia e a quinta globalmente, atrás da Apple, Alphabet, Amazon.com e Microsoft.

O grupo sul-africano de mídia e comércio eletrônico Naspers informou nesta sexta-feira que levantou 9,8 bilhões de dólares com a venda de 190 milhões de ações da Tencent, ou 2 por cento de sua participação. Ele disse que usará o dinheiro para fortalecer seu balanço e financiar o crescimento.

"É sempre difícil vender um bem fantástico como este, particularmente aquele em que você acredita muito a longo prazo. Então, sim, não foi uma decisão fácil", disse Basil Sgourdos, diretor financeiro do Naspers Group, à Reuters.

"Isso não é motivado por qualquer visão sobre a Tencent e as oportunidades que vemos no futuro. É realmente influenciado pelo aumento da confiança em nosso segmento de comércio eletrônico e os retornos que ele está entregando, por isso precisamos de capital para crescer esse negócio", disse ele.

A Naspers, que ainda tem uma participação de 31,2 por cento na Tencent, disse que não tem planos de reduzir ainda mais sua participação nos próximos três anos.

Mais Tecnologia