UOL Notícias Notícias
 

03/03/2006 - 18h36

Encontro do chanceler russo com Hamas é "útil", dizem os EUA

WASHINGTON, 3 mar (AFP) - Os Estados Unidos consideraram "útil" nesta sexta-feira o encontro em Moscou do ministro russo das Relações Exteriores, Serguei Lavrov, com responsáveis do Hamas, comemorando, sobretudo, que a Rússia tenha lembrado o movimento palestino das reivindicações do Quarteto para o Oriente Médio.

A reunião, inicialmente recebida com reservas por Washington, "atendeu ao objetivo de transmitir a mensagem desejada", declarou o porta-voz do Departamento de Estado, Adam Ereli.

"É útil, porque é importante que o Hamas ouça de todo mundo as expectativas da comunidade internacional, que são que ele renuncie ao terrorismo, reconheça Israel e aceite as obrigações e compromissos assumidos pela Autoridade Palestina", acrescentou Ereli.

"É uma escolha que nós todos desejamos ver o Hamas fazer. Se ouvir isso direta e claramente dos russos pode servir a este objetivo, está tudo muito bem", continuou.

"Os russos transmitiram, eu acho, claramente, uma mensagem coerente com os objetivos do Quarteto e o comunicado do Quarteto", acrescentou.

No final de janeiro, o Quarteto para o Oriente Médio (formado pelos EUA, Rússia, ONU e UE) apresentou ao Hamas suas condições, descritas acima, para manter sua ajuda aos palestinos.

Quando a Rússia anunciou no início de fevereiro que receberia líderes do Hamas, os EUA pediram "esclarecimentos" e, depois, se acalmaram.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    10h29

    -0,35
    3,271
    Outras moedas
  • Bovespa

    10h32

    0,46
    63.515,85
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host