UOL Notícias Notícias
 

08/03/2006 - 06h16

Polícia indiana mata suspeito de atentado em Benarés

LUCKNOW, Índia, 8 mar (AFP) - Um homem suspeito de envolvimento nos atentados de terça-feira na cidadde sagrada de Benarés (norte da Índia), que deixaram 23 mortos e 68 feridos, foi morto nesta quarta-feira pela polícia antiterrorista.

O suspeito transportava 2,5 quilos de explosivos no momento em que foi morto pela polícia nos limites de Lucknow, a capital regional do estado de Uttar Pradesh, do qual Benarés faz parte.

"Provavelmente estava envolvido nas explosões de Vanarasi (nome oficial indiano de Benarés)", afirmou o chefe de polícia local Rajesh Pandey.

O oficial acrescentou que as autoridades suspeitavam que os "terroristas" - termo geralmente utilizado na Índia para designar os extremistas islâmicos - eram os responsáveis pelas três explosões.

A agência Press Trust of India (PTI) informou que o homem era suspeito de pertencer ao grupo islamita radical Lashkar-e-Taiba, com sede no Paquistão e que atua na Caxemira indiana, cenário de uma guerrilha separatista.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host