UOL Notícias Notícias
 

28/03/2006 - 10h30

Mais de 1,3 milhão de doentes com Aids atendidos em países pobres

GENEBRA, 28 mar (AFP) - Mais de 1,3 milhão de doentes de Aids podem ser tratados agora nos países pobres e em desenvolvimento. Este número está longe da meta de três milhões para o fim de 2005, de acordo com um informe da Organização Mundial da Saúde (OMS) e da Unaids publicado nesta terça-feira.

"A África subsaariana, a mais afetada pela epidemia, é a primeira a se beneficiar com a extensão do tratamento", ressalta este informe das duas agências de saúde da ONU, a OMS e a Unaids, que elaboraram um balanço da estratégia "3 milhões até 2005", lançada no final de 2003.

O número de doentes africanos atendidos foi multiplicado por oito, passando de 100.000 para 810.000 em dois anos. Um em cada seis africanos tem acesso ao tratamento anti-retroviral, vital para sua sobrevivência. "Nove em cada dez crianças à espera do tratamento vivem na África", admite o informe.

Sem surpresas, o objetivo de atender três milhões de doentes, no final de 2005, dos 6,5 milhões de pessoas que necessitam rapidamente de ajuda nos países de pobres e intermediários, não foi alcançado.

Os progressos são "menores do que se esperava", reconhece a OMS que no entanto considera "impressionante" o que foi obtido. O número de doentes em tratamento triplicou. A ampliação do acesso aos anti-retrovirais permitiu salvar entre 250.000 a 350.000 vidas em 2005.

Segundo a Unaids, ao menos 22 bilhões de dólares anuais serão necessários até 2008 para financiar programas nacionais completos de prevenção e tratamento para o HIV.

Aproximar-se tanto quanto possível do acesso universal ao tratamento até 2010 - meta aprovada no ano passado pelos países do G8 e pela Assembléia geral das Nações UNidas - exigirá esforços consideráveis, advertem Unaids e OMS.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host