UOL Notícias Notícias
 

15/06/2006 - 21h11

FDA autoriza coquetel de remédios para câncer severo

WASHINGTON, 15 jun (AFP) - Um novo coquetel de medicamentos para tratar casos de câncer de colo de útero que não respondam às terapias existentes foi autorizado nesta quinta-feira pela FDA, a agência americana que regula o setor de remédios e alimentos.

A Hycamtina, comercializada pelo laboratório farmacêutico britânico GlaxoSmithKline, permitiu prolongar a vida destes doentes de cerca de três meses quando combinada com Cispadan, um agente de quimioterapia, explicou a FDA.

Estes dois medicamentos já foram autorizados pela FDA há vários anos, mas em separado para tratar de outros cânceres, como o de pulmão e ovários. Eles não podem, entretanto, ser prescritos para uso combinado sem o sinal verde da agência americana.

Os médicos poderão recorrer à combinação Hycamtina-Cispadan depois que todas as outras opções de tratamento tiverem sido descartadas e o câncer for considerado incurável ou tendo feito metástases em outros órgãos do corpo, frisou a FDA, em nota publicada em sua página na Internet.

A FDA apoiou sua decisão sobre os resultados de um teste clínico realizado em 293 doentes, mostrando que aqueles tratados com o coquetel Hycamtina-Cispadan viveram em média 9,4 meses, contra os 6,5 meses daqueles cuidados apenas com Cispadan.

"Esta terapia combinada é uma opção potencial para prolongar a vida de milhares de mulheres", destacou o administrador interino da FDA, Andrew von Eschenbach.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host