UOL Notícias Notícias
 

28/07/2006 - 19h14

Canadá evacua 12.500 pessoas do Líbano, incluindo brasileiros

OTTAWA, 28 jul (AFP) - O Canadá retirou do Líbano um total de 12.500 pessoas, incluindo brasileiros, e a operação de evacuação, a mais importante já realizada por este país, está sendo concluída, informou uma alta fonte do governo nesta sexta-feira.

Pelo menos mil pessoas deixaram Beirute hoje, rumo ao Chipre, elevando para cerca de 12.500 o total de evacuados do Líbano pelo Canadá desde 19 de julho, completou o funcionário, que pediu para não ser identificado.

As evacuações aconteceram em 28 viagens de navio a partir de Beirute, e uma a partir de Tiro. Também foram organizados 44 vôos saindo do Chipre e da Turquia. As últimas viagens de navio devem acontecer neste sábado.

Depois, "continuaremos a avaliar a situação e reagiremos em conseqüência (disso)", declarou um alto funcionário, dando a entender que novas viagens podem ser organizadas se for necessário.

"É a mais importante operação deste tipo já organizada na nossa história", comentou outra fonte do governo.

A maioria dos evacuados é canadense, mas os navios fretados por Ottawa também retiraram do Líbano brasileiros, americanos, britânicos, suecos, australianos, ucranianos, mexicanos, holandeses, dinamarqueses e alemães.

As autoridades canadenses disseram que ainda se preocupam com a sorte dos compatriotas bloqueados no sul do Líbano.

Cerca de 38.000 pessoas estão registradas na embaixada do Canadá em Beirute, mas a estimativa real é de que havia no Líbano, no início do conflito, entre 40.000 e 50.000 canadenses ou cidadãos com dupla nacionalidade.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    15h39

    -0,01
    3,135
    Outras moedas
  • Bovespa

    15h44

    -0,15
    75.877,52
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host