UOL Notícias Notícias
 

21/10/2006 - 14h25

Escritores brancos anti-apartheid criticam o governo da África do Sul

=(FOTOS)= JOHANNESBURGO, 21 out (AFP) - Os escritores sul-africanos brancos, cuja obra contribuiu para fazer o mundo se conscientizar da monstruosidade do regime do apartheid, utilizam agora seu talento literário para condenar o Congresso Nacional Africano (CNA), no poder na chamada "nova África do Sul".

André Brink, Rian Malan e Christopher Hope desenharam um retrato severo do estado atual da Nação Arco-íris, perturbados pelo que consideram o início de uma inexorável decadência.

Brink, que foi perseguido pelo regime segregacionista por causa de alguns de seus romances, como "Uma estação branca e seca", lançou duros ataques contra o CNA, o partido histórico de luta contra o apartheid que chegou ao poder em 1994.

Ele classificou dois membros do governo - a ministra da Saúde, Manto Tshabalala-Msimang, e o ministro de Segurança, Charles Nqakula - de "monstros" pelo que classifica de indiferença ante os dois principais problemas do país: a Aids e a criminalidade.

Brink também se sentiu escandalizado pela decisão de muitos altos dirigentes do CNA, incluindo a presidente do Parlamento, de acompanhar como se fosse um herói o ex-deputado Tony Yengeni quando se dirigia à prisão depois de ser condenado por corrupção.

Já Rian Malan, cujo livro "Meu coração de traidor" contribuiu para denunciar as atrocidades do regime do apartheid, também fez um balanço pouco favorável de seu país.

Ao contrário do declarou o presidente Thabo Mbeki em um discurso há alguns meses, que a nova África do Sul era um verdadeiro paraíso, Malan afirma que seu país está em franca decadência.

"Compreendemos com tristeza que grande parte do que nos cerca hoje está podre", afirmou, explicando que a demissão de inúmeros brancos dos serviços públicos era um dos motivos para esta decadência.

Segundo Christopher Hope, cujos escritos foram censurados durante o apartheid, existe um sentimento geral de impotência ante o que parece ser uma energia insaciável entre os sul-africanos para a violência sob todas as suas formas".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    12h30

    -0,21
    3,166
    Outras moedas
  • Bovespa

    12h32

    0,17
    68.468,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host