UOL Notícias Notícias
 

06/11/2006 - 14h39

França: Le Pen denuncia a condenação à morte de Saddam Hussein

PARIS, 6 nov (AFP) - O líder da extrema-direita na França, Jean-Marie Le Pen, denunciou nesta segunda-feira a condenação à morte do ex-presidente iraquiano Saddam Hussein, através de um julgamento que considerou uma "paródia de justiça".

Segundo o presidente da Frente Nacional, o tribunal que condenou Saddam Hussein é uma "jurisdição de exceção colocada em prática pelo ocupante estrangeiro", que "o constituiu em desprezo às regras do direito".

Para Le Pen, o veredicto parece mais "uma vingança do que uma decisão da justiça", e "não contribuirá para a paz civil e a calma num país mergulhado, desde a agressão estrangeira, num caos de sangue".

O líder da extrema-direita denunciou durante várias vezes a invasão do Iraque pela coalizão dirigida pelos Estados Unidos, considerando o presidente George W. Bush "criminoso de guerra".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,02
    3,136
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,02
    75.974,18
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host